Ministro defende tratamento igual entre os profissionais do sector

O ministro das Telecomunicações, Tecnologias de Informação e Comunicação Social (MINTTICS), Mário Oliveira, defendeu na passada sexta-feira, 30 de setembro, em Luanda, que não deve haver diferença de tratamento entre os jornalistas dos órgãos de comunicação social público e dos privados.

O ministro defendeu a necessidade de aproximação entre os profissionais dos órgãos públicos e privados para uma maior convivência e profissionalismo.

“Temos notado na nossa praça um afastamento entre à imprensa pública e privada. Não há jornalistas públicos e privados! Os jornalistas dos órgãos públicos e dos órgãos privados trabalham todos em prol da informação. Por isso, temos que acabar com essa classificação de imprensa pública e privada”, disse o ministro, na manhã da passada sexta-feira, no CEFOJOR, na primeira edição do “Matabicho do Jornalista”, numa iniciativa do MINTTICS.

Mário Oliveira, defendeu no encontro, a necessidade dos jornalistas, sobretudo os jovens, de terem maior cuidado nas suas intervenções nas redes sociais.

O MINTTICS salientou também que o ministério estará aberto para comunicar melhor a todos os níveis.

Quanto às situações de reforma dos jornalistas, o novo ministro avançou que nos próximos tempos o MINTTICS irá apresentar ao público a criação da Caixa de Providência do sector da comunicação social.

“Faço votos de que os jornalistas adiram, para terem um suporte no pós-reforma”, anunciou.

Já a presidente da Comissão da Carteira e Ética, Luísa Rogério, que participou do encontro disse que o “Matabicho do Jornalista” foi proveitoso tendo em conta o facto dos jornalistas apresentarem inquietações e sugestões.

“Espero que essa abertura se mantenha e que continue a haver encontros deste género “, disse.

Dani Costa, director do Jornal o País, realçou que os problemas da comunicação social são de todos conhecidos, mas que gostou de ouvir a classe a falar da situação da reforma.

Leão Vital, da TV Zimbo, contou ao ministro as dificuldades que os jornalistas enfrentam no dia-dia para obterem informações junto das instituições públicas.

O MINTTICS assegura que o encontro, que se pretende que seja regular, una os jornalistas.

Participaram do “Matabicho do jornalista” o secretário de Estado para a Comunicação Social, Nuno Caldas, directores dos mais variados órgãos de comunicação social, públicos e privados, jornalistas e altos funcionários do MINTTICS.

Fonte: novo jornal

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: